Igualdade de Gênero – Cartaz Concurso terminado

Será que os homens podem ser defensores fortes da verdadeira igualdade de gênero no trabalho?

Início 11 de Maio de 2016 Fim 31 de Maio de 2016, 23:59 UTC Deliberação Resultados Julho de 2016
Início
11 de Maio de 2016
Fim
31 de Maio de 2016, 23:59 UTC
Resultados
Julho de 2016
Notícias

Liberte a sua criatividade!

27 de Maio, 13:05

Pegar uma imagem de um banco de imagens, que represente pessoas em seu local de trabalho e adicionar um slogan, não será suficiente para você ganhar! P&G já sabe como fazer este tipo de comunicação e não é por isso que eles precisam de você!

Não se esqueça de ler atentamente o mau exemplo dado no briefing! Pense fora da caixa e seja original!

Seu cartaz não tem de ocorrer em um escritório e não é necessário que mostre trabalhadores!

Briefing

Contexto

Apesar de pesquisas mostrarem que equipes compostas de homens e mulheres (“equipes diversificadas”) são mais criativas, mais agradáveis e têm um desempenho melhor, existem barreiras reais para as mulheres quando elas sobem na hierarquia corporativa, especialmente em organizações industriais e operacionais com perfil mais tradicional.

As mulheres sentem que é mais difícil para elas conseguir bons empregos e promoções, e esse sentimento reflete a realidade estatística, pois as mulheres representam apenas 20-30% da mão de obra e não recebem promoções na proporção justa; ainda assim, até hoje apenas 20% dos homens acreditam que elas têm menos oportunidades de carreiras do que eles. Os homens querem dar apoio e 78% deles dizem que querem igualdade no trabalho, mas apenas 20% estão ativamente para fazer com que isso se torne realidade.

Esse é um grande desafio. A P&G, um fabricante mundial de produtos de higiene para a família, os indivíduos e os lares, com marcas como Ariel, Pampers, Gilette, Oral-B, Downy e Always, acredita que tanto homens quanto mulheres devem defender a mudança dessa situação.

Através de campanhas como “Divida a Carga”, “Sobras”, e “Igual e uma menina”, a P&G está demonstrando o quanto ela quer promover os benefícios reais da igualdade de gênero na sociedade.

A P&G, na qualidade de empregadora, também tem o compromisso de promover a diversidade de gênero no trabalho.

Como ela faz isso? A organização do Abastecimento de Produtos da P&G é feita de 25.000 funcionários na Europa, Índia, Oriente Médio e África. Essa organização realiza todas as operações necessárias para fazer os produtos da P&G, incluindo a produção, engenharia, compras, gestão da qualidade e da cadeia de abastecimento para todas as instalações da P&G.

A P&G busca valorizar sua mão de obra diversificada, tratando as pessoas com respeito. Ela quer que as pessoas se adaptem e abracem as culturas em que elas vivem e trabalham. Ela quer ser uma pioneira nessa causa. Dentro dessa filosofia, a empresa tem um compromisso forte com a igualdade de gênero. Ela criou um programa que apoia o desenvolvimento das mulheres em todas as regiões, através de programas de formação e de desenvolvimento de carreira. A mensagem central do Programa de Diversidade da P&G é “Todos valorizados. Todos incluídos. Todos dando o melhor de siTM”.

A P&G busca dar poder às mulheres, desenvolvendo sistemas e redes para apoiar o desenvolvimento e a progressão delas. Essas redes apoiam as mulheres, na condição de minorias, e ajudar a superar as barreiras que uma mulher pode enfrentar no trabalho ou no equilíbrio entre a vida pessoal e profissional.

Depois de mais de vinte anos de ações pela igualdade de gêneros, a mensagem se desgastou um pouco. Cada vez mais homens pensam que a igualdade de gênero não é mais uma questão atual.

A P&G acredita que “Todos valorizados. Todos incluídos. Todos dando o melhor de siTM” é verdadeiramente bom para todos. Homens representam mais de 70% do abastecimento de produtos da P&G, portanto é essencial que eles entendam essa questão para, de modo ativo, desenvolver, promover e o apoiar do mesmo jeito homens e mulheres.

Precisamos das suas ideias para que homens que trabalham como Gestores para a P&G na Europa, Índia, Oriente Médio e África trabalhem ativamente como defensores e modelos de gênero, a fim de criar uma cultura diversificada e plenamente inclusiva, na qual homens e mulheres podem dar o melhor de si. O caso de negócios para a diversidade de gênero é convincente e é a coisa certa para fazer em 2016.

Desafio Criativo

Através de um cartaz impactante, direcionado para gestores homens, dê vida à mensagem de que o lema “todos valorizados e dando o melhor de si” é algo bom TANTO para mulheres quanto para homens.

Em todas as regiões, departamentos e equipes, a P&G está em busca de novas maneiras de comunicar a mensagem de que “igualdade de gênero é realmente algo bom para todos, não é um programa só para as mulheres”.

Quando olharem para o seu cartaz, os homens devem pensar: “É verdade, realmente o meu papel é apoiar a igualdade e a diversidade de gênero em todos os níveis da organização”.

A proposta ideal dará vida à mensagem central de um jeito que homens e mulheres sintam que trabalham na mesma equipe, não em oposição ou em competição entre si. Todos já ouvimos as afirmações de intenção, então a sua ideia tem que ser criativa, nova e inteligente.

Seu cartaz tem que veicular uma ideia que possa ser transformada em campanha, ou seja, algo profundo e amplo o suficiente para que a P&G possa expandir a ideia e estendê-la para outras campanhas.

Seu público-alvo são gestores homens de 28-45 anos que trabalham na P&G em todos os tipos de operações de apoio à produção e ao abastecimento. Eles gerenciam e contratam pessoas. A maioria pensa que a igualdade de gênero é obviamente uma boa ideia, mas que é algo que não precisa ser dito e não é mais um problema atual. Quando trabalham com mulheres, eles podem ter pressupostos bem-intencionados sobre o que as mulheres podem e estão preparadas para fazer; isso pode fazer com que suas colegas mulheres avancem mais lentamente, se desanimem e até mesmo deixem a empresa. Mudar vieses inconscientes é desafiador, pois os gestores homens não percebem que fazem tais pressupostos, ou não percebem que muitas mulheres não compartilham o ponto de vista que eles têm sobre o que elas podem ou devem fazer. Não queremos culpar os homens pelo passado; queremos a adesão e a ajuda ativa deles, para alcançarmos o objetivo compartilhado de igualdade de gênero em todos os níveis da mão de obra.

Esperamos cartazes impactantes com um visual forte e um slogan.

Junto com o seu cartaz, pedimos que você nos fale sobre o seu conceito criativo, sobre a história por trás da imagem. Explique como você pensa que o seu cartaz vai convencer os homens a se tornar defensores de todos na empresa.

Dicas

Os exemplos são fornecidos apenas para ilustrar as nossas expectativas. Favor não usá-los em sua apresentação ou ela será rejeitada.

Uma boa proposta desafiaria a ideia de que homens e mulheres de quais são as contribuições mais frequentes de homens e mulheres e mostrasse como o desempenho da equipe é melhor quando todos se ajudam. P. ex., uma engenheira realizando um projeto junto com colegas homens; um homem no portão da escola e resolvendo um problema difícil justamente porque não está no trabalho e consegue pensar fora da caixa.

Uma boa proposta poderia mostrar como um local de trabalho era – p. ex., apenas com homens, todos com um visual parecido – e como é hoje (diversificado e misto) e como isso é melhor.

Uma proposta ruim seria mostrar duas mulheres e dois homens conversando em um escritório e sorrindo. O slogan diz: “Igualdade de gênero no trabalho é uma questão importante para todos!” Não conta uma história poderosa e não provocam identificação em nosso público-alvo, portanto é uma má ideia.

Prêmios

Prêmio do Júri

  • #1 Prêmio € 3.000
  • #2 Prêmio € 1.500
  • #3 Prêmio € 500

Formato

PDF com visual e texto (2 páginas máx.)

• Primeira página: Visual + Slogan
• Segunda página: Explicações

Critérios de seleção

Estamos em busca de ideias novas que possam ser expandidas para desenvolver outras comunicações. As propostas vencedoras precisam contar uma história forte o suficiente para provocam identificação em nosso público-alvo e estimular uma conversa.

Orientações

Orientações para esse concurso

  • Esta iniciativa é inspirada no movimento “HeForShe” e no discurso de Emma Watson na ONU em 2014.
  • Não polarize ou denigra os homens. Não se trata de uma luta ou de uma competição entre homens e mulheres. Trata-se de impulsionar a diversidade para gerar criatividade, resultados melhores e felicidade no trabalho!
  • Evite estereótipos homem/mulher, para não afastar as pessoas.
  • Por favor, não use o estereótipo da mulher que cuida dos filhos e do homem que não faz isso; é muito polarizador.
  • Só serão aceitas propostas em inglês.
  • Por favor, use imagens de alta resolução.
  • As autorizações e licenças de uso de elementos protegidos (incluindo músicas, fotos…) devem incluir pelo menos: (i) o direito de incorporar os elementos protegidos em novas obras que são derivadas ou baseadas em estes elementos, (ii) o direito de uso para fins comerciais e (iii) o direito de usar na Internet. Você deve poder nos fornecer uma prova escrita dessas autorizações e licenças a qualquer momento.

Orientações habituais da eYeka

  • Não coloque quaisquer detalhes pessoais na criação (nome, número de contato, endereço de e-mail, etc.)
  • Mantenha no seu computador uma versão de alta qualidade da sua criação para ser usada se você for selecionado como vencedor.
  • A sua criação tem que ser o seu próprio trabalho para ser considerada no concurso.
  • Você precisa ter obtido a permissão escrita de cada um dos autores e atores que contribuíram para o mídia.
  • Se você tem algum trabalho (música, fotos, desenhos etc.) que não seja de sua autoria, por favor declare em sua descrição do mídia se a música e/ou imagem(ns) que você usou é(são) sua própria criação e forneça links para a licença concedendo para você os direitos de o(s) usar.
  • eYeka vai lhe pedir para fornecer prova escrita ou uma cópia de todos os documentos escritos que confirmam tais autorizações permitindo a eYeka e os seus clientes de usar a criação em conformidade com os termos do regulamento do concurso.
  • Qualquer criação que não cumprir essas regras não será considerada para o concurso.